• White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Twitter Icon
  • Branco Ícone Google+
  • White YouTube Icon
  • White Vimeo Icon

©2018 Noeh Baby | 31 99722.0449 / 31 4042.0449  | contato@noeh.com.brCNPJ 15.668.077/0001-01

Rua Pirapetinga, 322, Loja 5 - Bairro Serra | Belo Horizonte  

Tempo de entrega estimado pelos correios

SAIBA SE O SEU BEBÊ É HIPOTÔNICO

Os anos se passaram e a impressão que temos é que os bebês se desenvolvem e crescem cada dia mais rápido. Eles ficam firmes rapidamente. Alguns são mais flexíveis que os outros e não quer dizer que eles tenham um problema físico, mas pode ser que eles tenham hipotonia.

 

Os bebês hipotônicos devem ser estimulados para não terem atrasos no desenvolvimento. É importante ter tonicidade nos músculos (quando está em repouso), pois ela é responsável por manter a nossa postura e direcionar nossos movimentos, ou seja, pelo desenvolvimento motor.

Quando os pais fazem o acompanhamento periódico e o pediatra identifica flexibilidade excessiva, é muito importante promover os estímulos corretos, pois o tratamento evita possíveis atrasos no desenvolvimento motor. Sem o acompanhamento, as crianças podem desenvolver problemas posturais ou de equilíbrio, além de lordose.

 

Como identificar a hipotonia?

 

Existem crianças que têm algum distúrbio ou síndrome que podem ter hipotonia. Nesses casos, ela é identificada com facilidade. Aqueles que não apresentam quadros clínicos são mais difíceis de identificar, muitas vezes, esses bebês são chamados de “preguiçosos”.

 

Mas eles não são preguiçosos! Eles apenas têm mais dificuldades para se manter mais durinhos, para engatinhas, ficar de pé ou caminhar. Por essa razão, é muito importante um acompanhamento médico periódico, principalmente se os pais percebem uma “preguicinha” nos bebês a partir dos seis meses, época em que eles começam a ficar mais firmes.

Até os cinco meses é normal muito normal ficar de bruços, rolar e levantar a cabeça. Com seis, eles começam a ficar mais durinhos, inclusive, no colo. Aos nove, normalmente, eles já sentam, engatinham e conseguem se levantar.

 

Como tratar a hipotonia?

 

Se a hipotonia não estiver relacionada a qualquer outro problema, o bebê terá seu desenvolvimento cognitivo normal, mas é fundamental um acompanhamento com fisioterapeutas. Esses profissionais verificarão o grau da hipotonia e realizarão exercícios para estimular a tonicidade dos músculos e fortalecer os movimentos.

 

 

 

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload

Artigos Recentes
Please reload

Procurar por tags
Siga
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey LinkedIn Icon
0